Juazeiro em cada casa: Romeiros comentam participação na Romaria Virtual

Juazeiro em cada casa: Romeiros comentam participação na Romaria Virtual

Categoria: Basílica

18/07/2020 Por: Patrícia Mirelly


Juazeiro em cada casa. É assim que os romeiros e devotos fazem a experiência da Romaria do Padre Cícero, que recorda a partida dele para a casa do Pai, há 86 anos. A tradicional romaria de julho foi adaptada e acontece de forma virtual, como medida de segurança para conter o avanço e a disseminação do novo coronavírus. A ideia caiu no gosto dos romeiros e de seus altares domésticos celebram a fé, louvando e agradecendo a Deus pela vida, missão e testemunho do padrinho que “não morreu, se mudou para o Céu”.

No agreste pernambucano, precisamente na cidade de Surubim, Almir Cícero busca seguir os passos e exemplos daquele de quem recebeu o nome de batismo. Da Capela dedicada Sagrado Coração de Jesus, construída sobre a devoção herdada das viagens a Juazeiro, ele acompanha a programação da romaria virtual e a faz ecoar nos alto-falantes para aqueles que não têm acesso à internet. É a experiência da fé vivenciada em comunidade, sem, no entanto, deixar de seguir os decretos de distanciamento social recomendado pelas autoridades de saúde.

 

“Eu coloco toda a parte da programação, e as pessoas, principalmente as idosas, escutam de suas casas. É uma forma também delas matarem a saudade do Juazeiro. E é mesmo que estivéssemos lá, participando”, considerou. A comunidade Cajá de Tatus, onde Almir reside, é formada por trinta famílias.

De Porto da Folha – SE, José Arnóbio Neto também conecta-se a Juazeiro, recordando as mais de 22 anos feitas até aqui. “Essa romaria tem me deixado muito emocionado. É uma experiência de muita saudade. Mas eu acompanho tudo da minha televisão e acredito que meu padrinho vem até nós”, contou.

A família Sousa Lima, cujo patriarca traz o nome de Cícero, embora residindo em Juazeiro do Norte, vive a romaria em sua Igreja doméstica, onde busca educar os filhos na fé, plantando no coração deles a devoção ao padrinho. “Tudo é muito novo, mas somos gratos por essa programação que nos proporciona esses momentos nesses tempos tão difíceis”, disse a matriarca, Josivania.

E tal é a experiência da romaria virtual, que a página da Basílica Santuário chegou ao segundo dia batendo a marca de 22 mil seguidores. O número foi registrado na tarde deste sábado, pelo setor de Comunicação.

A programação segue até o próximo dia 20, com acesso totalmente gratuito pela TV Web Mãe das Dores, no canal do Youtube, e redes sociais da Basílica Santuário, com retransmissão das páginas da Diocese de Crato.

 

 

 

 

Comentários:

Inscreva-se em nossa Newsletter